Chega a 73 número de cidades em emergência pelas chuvas em SC

Segundo Defesa Civil, temporais provocaram a morte de seis pessoas.
Mais de 20 mil pessoas tiveram que deixar suas casas no estado.

Do G1, em São Paulo

Subiu para 73 o número de cidades em emergência por causa da chuva que atinge Santa Catarina desde meados de janeiro. De acordo com balanço da Defesa Civil, divulgado nesta terça-feira (1º), 87 municípios registraram prejuízos. A cidade de Mirim Doce está em situação de emergência.

Em todo o estado, mais de 840 mil pessoas foram afetadas pelas chuvas. Seis pessoas morreram e 162 ficaram feridas.

Mais de 20 mil pessoas tiveram que deixar suas casas. Segundo a Defesa Civil, 18.887 estão desalojadas e 2.001 desabrigadas. Quase 7 mil residências foram danificadas pelos temporais.

As cidades em emergência são Antônio Carlos, Anitápolis, Alfredo Wagner, Águas Mornas, Anita Garibaldi, Armazém, Araquari, Araranguá, Aurora, Balneário Arroio do Silva, Balneário Barra do Sul, Balneário Gaivota, Biguaçu, Barra Velha, Bom Jardim da Serra, Braço do Norte, Braço do Trombudo, Bombinhas, Camboriú, Cocal do Sul, Corupá, Criciúma, Dona Emma, Ermo, Forquilhinha, Gaspar, Grão Pará, Gravatal, Guaramirim, Governador Celso Ramos, Içara, Ilhota, Imaruí, Itapoá, Itaiópolis, Jaguaruna, Jaraguá do Sul, Joinville, Jacinto Machado, Laurentino, Lauro Muller, Maracajá, Massaranduba, Meleiro, Major Gercino, Morro da Fumaça, Morro Grande, Nova Veneza, Palhoça, Passo de Torres, Pedras Grandes, Ponte Alta do Norte, Porto Belo, Praia Grande, Rio do Campo, São Pedro de Alcântara, Santa Rosa do Sul, Santa Terezinha do Progresso, Santo Amaro da Imperatriz, São Bento do Sul, São Francisco do Sul, São João do Sul, São Martinho, Siderópolis, Sombrio, São José, São José do Cerrito, Taio, Turvo, Timbé do Sul, Treviso, Tubarão e Urussanga.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas