Incêndios na Califórnia provocam retirada de centenas

FOLHA DE SP
DA FRANCE PRESSE, EM LOS ANGELES

A série de incêndios que atinge o sul da Califórnia já deixou três feridos e provocou a retirada de centenas de pessoas, informaram os bombeiros nesta quarta-feira.

Ao menos 400 habitantes da comunidade de Ranchita, 81 km a nordeste de San Diego, foram obrigados a abandonar suas casas na noite de terça-feira e permanecem em abrigos.

Cinco incêndios, provocados por um raio, atingiram a região de Ranchita a partir de domingo, destruindo 3.700 hectares de vegetação e ameaçando mais de 400 prédios, segundo as autoridades.

Um contingente de 1.500 bombeiros combate o fogo e três focos estavam sob controle nesta quarta-feira, mas outros dois, mais violentos, avançam apesar dos esforços.

"Os bombeiros continuam lutando, mas ainda há um número considerável de frentes fora de controle", disse o capitão Mike Mohler, porta-voz da CalFire, a agência californiana de prevenção de incêndios.

Na terça-feira, teve início outro incêndio, em Sage, 100 km ao norte de San Diego, destruindo ao menos quatro prédios, incluindo uma casa, e ferindo três pessoas: dois bombeiros e um civil gravemente queimado.

O incêndio na região de Sage, combatido por 400 bombeiros, já exigiu a retirada de mais de 50 pessoas e destruiu 1.200 hectares de vegetação.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas