Lixo nuclear ameaça segurança ambiental em Washington

Tanques estão se corroendo mais rápido do que o esperado


Diário da Rússia

177 tanques subterrâneos que armazenam 68 milhões de galões de lixo nuclear em Hanford, no estado norte-americano de Washington, estão se corroendo mais rápido do que o previsto, e em breve poderão levar à contaminação do solo na região, segundo se depreende de um relatório do governo dos Estados Unidos publicado esta semana.

Nome da imagemA Reserva Nuclear Hanford tem 177 tanques subterrâneos / Foto: Ted S. Warren – AP

O documento afirma que, dada a condição atual dos tanques, não há como determinar por quanto tempo eles poderão armazenar os resíduos nucleares com segurança. Além disso, o relatório destaca que o espaço de armazenamento limitado diminui a capacidade do Departamento de Energia norte-americano de responder a possíveis vazamentos futuros e de proteger a saúde da população, bem como o meio ambiente.

Os 177 tanques de armazenamento no subsolo de Hanford contêm os resíduos do programa de armas nucleares dos Estados Unidos. O Departamento de Energia do país está construindo uma usina de tratamento para que o lixo nuclear possa ser armazenado por um prazo mais longo, mas os atrasos nas obras da estação podem "afetar o cronograma para a remoção dos resíduos dos tanques".

Postar um comentário

Postagens mais visitadas