Cenário fatal: geólogos predizem destruição total do Japão

Geólogos encontraram supervulcão localizado perto do litoral japonês que contém 34 km³ de magma. Em caso de erupção, o vulcão com tais reservas poderia matar 100 milhões de pessoas.


Sputnik

Os cientistas da Universidade de Kobe estudaram a caldeira Kikai — cratera vulcânica, cuja erupção aconteceu há 7,3 milhares de anos e eliminou toda a civilização no sul do Japão. No decurso da pesquisa, eles descobriram que dentro do vulcão há uma cúpula cujo raio atinge 10 quilômetros enquanto sua altitude alcança 600 metros.


Resultado de imagem para caldeira Kikai japao
Domo vulcânico gigante é confirmado na Caldeira de Kikai do Japão | Reprodução

Além disso, eles também examinaram a superfície do leito marítimo nessa área e finalmente chegaram à conclusão de que o tamanho da cúpula está aumentando.

Na opinião dele, isso poderia ter um final fatal — uma poderosa erupção destruirá o Japão e também provocará um tsunami, capaz de alcançar a China e ambas as Américas.

Mas isso não é tudo. Após erupção, uma quantidade significativa de cinzas será lançada no ar, o que causará um "inverno vulcânico".

Segundo estimam os especialistas, a possibilidade desse cenário acontecer é de apenas 1%.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas