Chuva deixa moradores ilhados, causa queda de barreiras e de ponte em São José do Vale do Rio Preto, no RJ

Equipes da Defesa Civil estão nas ruas para atender ocorrências.


Por Juliana Scarini | G1, Região Serrana

A chuva em São José do Vale do Rio Preto, na Região Serrana do Rio, deixa bairros alagados e causou a queda de barreiras, além de uma ponte no bairro Camboatá, segundo informações da Prefeitura. O temporal ocorreu durante a madrugada e manhã desta quinta-feira (8).

Moradores estão ilhados (Foto: Paulo Tassinari/Arquivo Pessoal)
Moradores estão ilhados (Foto: Paulo Tassinari/Arquivo Pessoal)

A Prefeitura ainda não tem um levantamento do número de ocorrências. Equipes da Defesa Civil estão nas ruas verificando os problemas e atendendo a população. Não há informações sobre feridos ou desalojados.

De acordo com o Igor Machado, diretor de comunicação do município, o temporal começou por volta de 1h e, às 4h, a ponte do bairro Camboatá caiu.

"Choveu muito forte até as 8h. Eu mesmo fiquei ilhado para sair de casa. Várias ruas alagaram e barreiras cairam", contou o diretor de comunicação.

Resgate dramático

Em 2011, a tragédia que atingiu a Região Serrana do Rio causou destruição em São José do Vale do Rio Preto, deixando 2.018 desalojados e 300 desabrigados, segundo a Defesa Civil. Foi na cidade que aconteceu o resgate da dona de casa Ilair Pereira de Souza, salva por uma corda com a ajuda de vizinhos.

Quando sua casa alagou, ela tentou sair com o cachorro no colo, mas o animal foi derrubado pela correnteza. Ilair é uma das histórias de sobrevivência da tragédia provocada pela chuva no município.

Na época, em toda a Serra do RJ, cerca de 35 mil pessoas tiveram que sair de casa.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas