Erupção do Kilauea ameaça milhares de lares no Havaí

Autoridades ordenaram 1.700 moradores a saírem de casa. Havaí declarou estado de emergência.


Por G1


O estado norte-americano do Havaí declarou estado de emergência diante da erupção do vulcão Kilauea. As autoridades ordenaram que 1.700 moradores abandonem suas casas. A recomendação para procurar abrigos vale também para 10 mil pessoas.

Cinzas do vulcão Kilauea, no Havaí, são vistas nesta quinta-feira (3) (Foto: U.S. Geological Survey via AP)
Cinzas do vulcão Kilauea, no Havaí, são vistas nesta quinta-feira (3) (Foto: U.S. Geological Survey via AP)

"O departamento de Obras Públicas verificou emissões de vapor e lava na cratera da subdivisão Leilani na área de Mohala Street", informou a Defesa Civil em sua página do Facebook.

Segundo o Observatório de Vulcões do Havaí, a lava pode atingir temperaturas de 1.150ºC e se espalhou por até 10 metros da fissura.

O vulcão Kilauea é um dos cinco da ilha. A erupção ocorreu nesta quinta depois de uma série de terremotos nos últimos dias, incluindo um tremor de 5,0 de magnitude que ocorreu na quinta-feira cedo, de acordo com o Serviço Geológico dos EUA.

A Defesa Civil abriu dois abrigos de emergência para acolher as pessoas. O governador David Ige ativou a Guarda Nacional do Havaí para ajudar na resposta de emergência.

Não há informações sobre feridos.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas